quarta-feira, 13 de outubro de 2010

olhar um rio
através dos olhos
de alguém
é não olhar um rio
numa segunda (às 6;32 da manhã)
- um rio
com neblina numa segunda

sei do rio e de quem o olha -
e não me diz nada

 não olho o rio

nunca fico distraída
olhar  através de outros olhos
é só lembrar de um rio
que talvez...

tem margem
um tempo que vejo

e uma calma morna

Um comentário:

amig@s

aquilo que queria dizer.

Tecnologia do Blogger.