quinta-feira, 15 de julho de 2010

Olho voltado pra dentro
Aflora
Lá fora
De perto e de longe
Em movimento

Um olho voltado pra fora
Aflora o que lá
Dentro
tem de
Tão longe, estranho
há perto
e o que de mim é movimento.


Partes
Quantas dores
(partos, despedaças, fragmentos)
Você olhou e disse:
a tua presença é maior na ausência
te achava engraçado rezando camões
o dia que chegou de mãos sujas
e as palavras não saiam
já sabia que iria embora
e eu também –
não havia mais nada a fazer naquele lugar
quando me dei aquarela não queria lembrança
era pra me ver queimando

Sentir-se parte em corpo inteiro
ser inteiro
e não passar de parte

Sentir amor por você
Apartou-me
De mim.

2 comentários:

amig@s

aquilo que queria dizer.

Tecnologia do Blogger.