quinta-feira, 6 de maio de 2010

um dia delirei que estava cega/
passei dois dias sem ver nada -
come;ou assim/
um barulho de salto alto andando sob uma mulher, meus olhos se atrofiaram e um branco luminoso me viu. por dois dias.
o corpo atravessa a rua pesado quando náo existimos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

amig@s

aquilo que queria dizer.

Tecnologia do Blogger.