sábado, 17 de setembro de 2011

do vermelho que vejo

o tempo desenha a flor
com os meus olhos
nos detalhes que guardo 
no fio do aparente amarelo

o sol atravessa as pétalas

e banha as cores de leveza.

3 comentários:

amig@s

aquilo que queria dizer.

Tecnologia do Blogger.